FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
Pedro Xavier 16 Jun 2021

Autárquicas: CDU volta a candidatar Amélia Barbeitos à Câmara de Monção

Maria Amélia Barbeito, engenheira de 'design' de produto de 54 anos, volta a ser a aposta da CDU nas eleições autárquicas deste ano para a presidência da Câmara de Monção, no distrito de Viana do Castelo.

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

“É uma candidatura que pretende reforçar a votação, com o lema trabalho, honestidade e competência”, afirmou Amélia Barbeitos.

Para a candidata comunista, “Monção enfrenta sérios problemas de mobilidade, sendo brutal a falta de transportes públicos e a rede viária é tão insuficiente que deixa muitos dos moradores de concelho a mais de uma hora do hospital distrital”.

“A falta de acesso a uma autoestrada limita por completo o desenvolvimento do concelho, quer a nível industrial quer a nível turístico”, realçou Amélia Barbeitos, natural da freguesia de Mazedo.

A candidata da Coligação Democrática Unitária (CDU), formada pelo PCP e pelo Os Verdes (PEV), apontou ainda “a cultura e o desporto como imprescindíveis para o desenvolvimento pessoal e coletivo, sendo necessária uma aposta forte nestas áreas”.

Defendeu ainda um “incentivo à agricultura familiar como forma de diminuição de dependências externas”.

Militante do PCP há 16 anos e funcionária do partido há mais de uma década, Maria Amélia Barbeitos encabeça pela segunda vez a lista da CDU à Câmara de Monção. Nas autárquicas de 2017 o partido conquistou 1,04% dos votos.

Amélia Barbeitos também liderou, em 2009 e 2013, a candidatura da CDU à Assembleia Municipal e à Junta de Freguesia de Mazedo, em Monção.

A Câmara de Monção é atualmente constituída por quatros membros do PSD e três do PS.

Segundo a lei, as eleições autárquicas decorrem entre setembro e outubro, mas ainda não têm data marcada.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts