FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
Pedro Xavier 19 Mai 2021

Melgaço: Trail mais a Norte de Portugal está de regresso com mais de mil participantes

Depois de ver cancelada a prova de 2020, em virtude da situação pandémica, o Melgaço Alvarinho Trail está agora de regresso, no dia 23 de maio (domingo). Cerca de 1300 entusiastas percorrerão os trilhos do destino da natureza mais radical de Portugal. De forma a garantir todas as condições de segurança o evento teve de ser readaptado e os atletas irão nesta edição partir em tempos diferentes, divididos por grupos. Toda a organização do evento foi articulada com a Direção Geral da Saúde.

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Os percursos propostos aos participantes são um Ultra Trail de 48Km (inserido no Circuito Nacional de Ultra Trail Séries 150, da ATRP), um Trail Longo de 27Km (inserido no Circuito Nacional de Trail Longo Séries 100, da ATRP) e um Trail Curto de 19Km e ainda uma caminhada de 15Km, para percorrer Melgaço de uma forma mais descontraída e desfrutar das paisagens. As provas arrancam no Centro de Estágios de Melgaço: a primeira terá início pelas 8h e o evento termina por volta das 17h, com as cerimónias de entrega de prémios a iniciar às 14h30.

De forma a garantir a máxima segurança, a organização adotou uma série de medidas, nomeadamente: medição da temperatura; desinfeção das mãos com solução SABA; delineação de trajetos de circulação para que a distância social seja assegurada; o acesso ao local de partida/chegada só será autorizado a atletas e autoridades competentes, onde irá existir um cordão sanitário; sinalização com indicações; o serviço do secretariado funcionará desde sábado (das 14 às 21h e no domingo das 06h30 às 08h30); e as partidas das provas estarão divididas em blocos para assegurar que não existam aglomerações, garantindo o distanciamento social. Os atletas são ainda obrigados a assinar um termo de responsabilidade da DGS, onde se comprometem a seguir todas as regras e medidas impostas.

Em virtude das novas medidas adotadas, e como acontecia nos últimos eventos, nesta edição não haverá pequeno-almoço; solo duro; banhos no final da prova; e reforço especial.

Entre montanhas e planícies, subidas e descidas, do Rio Minho, a menos de 40 metros de altitude, ao Planalto de Castro Laboreiro, onde se superam os 1.300 metros de altitude, os atletas terão condições de excelência. Ao longo dos vários percursos, os atletas poderão contemplar as maravilhas que Melgaço ostenta: as Pesqueiras Milenares do Rio Minho, os Caminhos e Pontes Romanas, as Aldeias Típicas, os Trilhos, as Paisagens sobre os Vales dos Rios, Minho, Trancoso e Mouro, sobre a vizinha Espanha até ao Planalto Castrejo, onde se encontram dezenas de Dolmens, o Parque Nacional Peneda-Gerês (PNPG), onde se encontra a Porta de Lamas de Mouro, e vários monumentos como os Castelos de Melgaço e Castro Laboreiro, Conventos e Igrejas Centenárias, Museus, Termas, entre outros. Este ano, o evento passará pelas freguesias da Vila, Prado, Roussas, S. Paio, Lamas de Mouro, Castro Laboreiro e Fiães.

 

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts