FECHAR
Logo
Capa
A TOCAR Nome da música AUTOR
Pedro Xavier 16 Fev 2021

Campeonato de Portugal: Vianense celebrou Carnaval com vitória em Vila Verde

O Sport Clube Vianense deslocou-se, nesta terça-feira de Carnaval, a Vila Verde para defrontar o Länk FC Vilaverdense, a quem venceu (0-2) com golos de Diogo Gonçalves e Rui Faria na própria baliza.

Acessibilidade

Ouvir
Aumentar Texto Diminuir Texto
Contraste Contraste

Em partida atrasada da 12ª jornada do Campeonato de Portugal, a equipa de Miguel Mota entrou autoritária no jogo, chegando ao golo logo aos 7 minutos num magnifico cabeceamento de Diogo Gonçalves, depois de um cruzamento teleguiado de Bacar Baldé.

A equipa da casa, aos poucos, equilibrou a partida, chegou a encostar o Vianense à sua grande área, mas não foi competente na hora de finalizar as várias oportunidades de golo que criou para empatar o jogo ainda antes do descanso.

O Vianense acabou a primeira metade do desafio da mesma forma como entrou na partida (forte) e dispôs de uma grande oportunidade para sair a ganhar por dois golos para o intervalo.

No inicio da segunda parte a equipa de Miguel Mota voltou a estar perto do segundo golo, mas voltou a falhar uma soberana oportunidade para aumentar a vantagem.

A perder, a equipa de Carlos Cunha instalou-se no meio campo adversário, teve muito tempo a bola na sua posse, mas não conseguiu criar qualquer oportunidade de golo. O Vianense tapou todas as passagens para a baliza de Taha Zareei e em transições rápidas criava aflição à equipa de Vila Verde.

Já no período de descontos, num contra-ataque conduzido por Diogo Correia, acabaram todas as duvidas em relação ao vencedor do encontro. O jovem avançado do Vianense, num lance de génio, atirou a bola à barra da baliza de Paulinho, e na sequência, numa infelicidade de Rui Faria, o jogador vilaverdense acabou por introduziu a bola na sua própria baliza, confirmando a vitória dos homens de Viana do Castelo e a conquista de mais três preciosos pontos na competição. .

Com esta vitória a equipa de Miguel Mota, ocupa atualmente o 6º lugar do campeonato com 21 pontos, e tem ainda um jogo em atraso diante o Maria da Fonte.

Ainda na tarde desta terça-feira, o Cerveira perdeu (0-2) em casa com o Pedras Salgadas, próximo adversario do Vianense, já o Vidago e o Maria da Fonte empataram a um golo (1-1).

Numa breve análise da partida, Miguel Mota considerou que a equipa esteve bem defensiva e ofensivamente, apesar de terem tido pouco tempo para preparar o encontro.

“Sabíamos exatamente o que tínhamos de fazer para tentar levar os três pontos para Viana. Foi esse o nosso propósito. Entramos bem, conseguimos fazer um golo e depois, durante a primeira parte, acabamos por sofrer um bocadinho” – afirmou Miguel Mota.

“Na segunda parte, sabíamos que íamos continuar a sofrer um bocadinho. Baixamos as linhas e tentamos também transitar. Acho que voltamos a entrar bem e podíamos ter feito outro golo. Acabamos por não fazer, mas efetivamente a equipa esteve muito sólida. Teve uma consistência defensiva muito boa e não permitiu qualquer situação de golo ao Vilaverdense. Acho que o resultado acaba por ser justo por aquilo que foi a nossa competência quer defensiva, quer ofensiva.” – concluiu.

Comentários

Últimas notícias

mais notícias

Últimos podcasts

mais podcasts